Mogadouro

O “Careto” traja “um fato inteiro, de lona, de pano, ou de serapilheira, pintalgado às riscas, franjado nas mangas e nas pernas, munido de capuz e apertado, na cintura, por um cinto do qual pendia, quase sempre, uma enfiada de chocalhos.” (PESSANHA, 1960:21)

A sua máscara é conhecida por “careta” ou “carocha”. “ […] era enorme, invariàvelmente de madeira pintada e representando o Diabo.” (PESSANHA, 1960:21)

 

Fontes e Bibliografia:

PESSANHA, Sebastião, 1960, Mascarados e máscaras populares de Trás-os-Montes, com desenhos de Mily Possoz, Lisboa, Livraria Ferin.